CIGRE Brasil
Associados
Comitês de Estudos
Eventos

Documentos
Revista Eletroevolução
Newsletters
Notícias
Links
Vídeo Institucional
Fale Conosco
Mapa do Site


Como se logar?

5 de julho de 2020
Webinar CE C6 - Geração Distribuída e a Pandemia

Foi realizado no dia 18 de junho de 2020 o 1º Webinar do Grupo de Trabalho de Geração Distribuída - GTGD.  O GTGD é um grupo do Comitê de Estudo C6 - Sistemas Ativos de Distribuição e Recursos Distribuídos de Energia do Cigre Brasil que conta com a participação de distribuidoras, pesquisadores, universidades e empreendedores. O objetivo do GTGD é elencar e discutir práticas e critérios relacionados a inserção de geração distribuída no sistema elétrico no que tange aos aspectos técnicos e regulatórios.

O primeiro Webinar contou com a participação de cerca de 100 profissionais e abordou os impactos da Geração Distribuída no atual cenário de Pandemia através de um debate entre seis profissionais de destaque no assunto sendo eles Bolivar Tondolo CEEE, André Zeni COPEL, Lucas Correa CEMIG, Paulo Zanin ENEL GOIÁS, Kariane Barbosa ENERGISA e Gabriel Konzen EPE.

Com relação ao impacto da pandemia no crescimento da GD no Brasil foi relatado pelos participantes que para micro GD se verificou uma redução no número de solicitações de estudos e instalações em função da insegurança da população com relação a disseminação da doença e aspectos econômicos. A alta do dólar também foi elencada como motivador para recuo nos estudos de micro GD. Já para mini GD (injeções superiores a 75kW) o que foi verificado foi a desaceleração do crescimento das solicitações, sendo mantido quantitativos superiores aos verificados em 2019. Todos os participantes pensam que esses impactos são temporários e em breve o crescimento da GD retornará aos patamares anteriormente verificados.

Já na organização dos processos de atendimento à GD em home office verificou-se que para empresas com um elevado nível de sistematização o processo foi tranquilo e sem grandes percalços. Naquelas onde esse nível era menor, os desafios foram maiores, não representando no presente momento um empecilho para a execução dos trabalhos. O mesmo não pode ser dito em relação as atividades de campo, cujo tempo de maturação da adequação ao novo cenário ainda está em andamento e representa um futuro ponto de identificação de melhores práticas adotadas. Foi levantada ainda a preocupação com a necessidade eminente de formação de mão de obra para atendimento da GD nas distribuidoras em condição de home office, assim como na importante relação da segurança da informação.

No que tange a redução da carga do sistema elétrico durante a pandemia resultou em impactos pontuais no sistema elétrico, não sendo efetivamente observada na maioria das distribuidoras. As exceções referem-se à necessidade de realocação de reguladores de tensão ou condições de violações do nível de tensão (sobretensão) em alguns trechos da rede. Cabe ressaltar, no entanto, que o aumento da penetração da GD elevará também as consequências de uma eventual redução de carga em relação a considerada na análise de acesso. Esse item constitui-se, portanto, em um ponto de atenção que merece maiores aprofundamentos de forma que sejam identificadas quais as condições e critérios mais adequados para realização das análises de acesso, de forma de que seja assegurada condições favoráveis para operação do sistema.

Finalmente, com relação as expectativas de futuro da GD, de forma unânime os participantes concordaram que a expansão exponencial se manterá e que os desafios na busca pela maximização dos ganhos trazidos pela GD também serão crescentes.

Nesse sentido, foi proposta a realização de outros encontros virtuais do GT GD que aprofundem a diversidade de temas relacionados as questões técnicas e possibilitem a disseminação de experiências, a troca de conhecimento visando a determinação de diretrizes e critérios bem fundamentados. Em breve, serão agendadas novas realizações de Webinar do GT GD.

 



CIGRE-Brasil
23/6/2020